domingo, 24 de setembro de 2017

“E sede agradecidos” (Cl 3,15).

 No último dia 12 a 20 de setembro, aconteceu na casa das Irmãs de Santo André, em Rondinha – PR, um retiro inaciano, segundo a espiritualidade de Santo Inácio de Loyola. Participar de um retiro é aceitar o convite que Deus nos faz de nos encontrarmos com Ele e conosco mesmo. É tempo de contemplar a vida, a missão e toda a ação que realizamos, a qual o próprio Deus conduz a cada dia sob a luz da sua Palavra. Por isso, nosso agradecimento a Ele, Senhor da vida e da história que nos ampara, ilumina e rege nossos passos e os daqueles que coloca no caminho da nossa vida.
Tais exercícios espirituais propiciam que dediquemos mais tempo à oração contemplando a obra criadora de Deus e seu amor pela criação. Obra esta que compreende o amor que se doa plenamente pela pessoa humana. Diante do reconhecimento da grandeza desse gesto o sentimento que brota do coração é de agradecimento.
Agradecimento porque Deus nos ama e está sempre a nos chamar para uma nova vida, para um novo recomeçar, para uma nova missão onde estamos. Chama-nos a amar mais aqueles que estão próximos de nós, aqueles que precisam da nossa ajuda, do nosso amor, do nosso perdão.


O amor que se experiencia com Deus nos faz perceber que somos maiores do que nossas fraquezas ou nossas faltas porque somos criados e amados por Ele. Ele que é infinito amor se alegra quando nos vê encorajados a reconhecermos sua graça, bondade e misericórdia. Quando vê que estamos dispostos a colocar os dons que recebemos a serviço na missão em que nos encontramos. Por isso, a Deus nosso agradecimento por termos a oportunidade de participarmos desse tempo de recolhimento para oração.



Ir. Madeline Pozzebon
e Ir. Margarida Nunes Borges








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Celebração do Centenário da Congregação das Irmãs Ursulinas CJA

No dia 28 de julho de 2019, na capela da Casa-Mãe e o Santuário de Santa Úrsula Ledóchowska, em  Pniewy, realizou-se a cerimônia, que ...