sexta-feira, 22 de maio de 2015

Novena de Santa Úrsula - 24 de maio - quinto dia

5º Dia da Novena - 24.05.2015 
Aparição de Jesus aos apóstolos.

(Jo 20,19-23) – ler o Evangelho da Bíblia

1.“A paz esteja convosco”.  Com estas maravilhosas palavras Jesus saúda os apóstolos, aparecendo-lhes pela primeira vez depois da Sua Ressurreição. 
Imaginarei esta cena comovedora.  À noite do Domingo da Ressurreição, os apóstolos estão reunidos no Cenáculo.  As portas estão fechadas por causa do medo dos judeus.  Certamente estão conversando sobre o que ouviram das mulheres que disseram terem encontrado Jesus e conversado com Ele.  Pedro e João encontraram o túmulo vazio, mas Jesus, não O encontraram.  Podem eles acreditar nas mulheres, não tinha sido apenas uma impressão?  Quiçá alguém tenha roubado o corpo de Jesus!  Será verdade que o Mestre está vivo?  Será que nunca mais irão vê-Lo e a Sua obra cairá?  Há momentos em que a tristeza abate os apóstolos e outros momentos, quando a alegria toma conta deles ao pensar que talvez Jesus esteja vivo de verdade... então, de repente, apesar das portas fechadas, veem Jesus na sua frente, radiante, sereno, saúda os apóstolos, os quais não podem acreditar no que estão vendo.  Jesus dirige-se a eles com este amor tão conhecido a eles, e diz palavras novas: “A paz esteja convosco”.  Ouvem extasiados, atiram-se de joelhos, reverenciando o seu Senhor, mas este repete: “A paz esteja convosco”.  No coração dos apóstolos, certamente, se fez silêncio e paz.  Desapareceu o medo de estarem abandonados e deixados sem proteção que os acompanhava por três anos - pressentem que Jesus lhes é dado agora para sempre.  Entenderam que a paz é este dom precioso que Jesus mereceu a nós com a Sua Paixão e Morte.  Entenderam que esta doce paz divina, anunciada pelos anjos na hora do nascimento de Jesus, prometida por Jesus aos apóstolos depois da instituição do Santíssimo Sacramento, esta paz agora se tornou propriedade dos corações de boa vontade, dos corações desejosos de servir Jesus.  Entenderam que esta santa paz divina pode acompanhar o pobre homem no meio das tempestades e das trevas e cruzes temporais, até a morte e por toda a eternidade.
Felizes os apóstolos aos quais o próprio Jesus veio trazer a paz.  Mas, ó meu Jesus, Tu tens merecido esta paz também para mim, basta que eu procure conseguir este presente tão suave.  Jesus quer dar-me, porém, não sem a minha colaboração.  Devo comportar-me (..), particularmente, conforme este conselho: “Antes fazer a vontade dos outros do que a minha142.   
Jesus, eu também quero ter esta santa paz, desejo tê-la e farei o que Tu exigires de mim, ó meu Senhor.  Dize também a mim estas suaves palavras: “A paz esteja contigo”.
(Meditações março/abril - 61)
Para refletir:

1.    Santa Úrsula era chamada de raio de sol pela paz que transmitia no relacionamento. De que modo promovo a paz no ambiente onde vivo e trabalho?
2.    Traga aqui as pessoas que você conhece como anjos de paz.
3.    Jesus não aparece aos discípulos, depois da Ressurreição, para cobrar deles a infidelidade ou traição, mas para lhes transmitir a paz e os enviar para pregar o Evangelho. Como reajo eu, quando encontro a pessoa que um dia me traiu ou me enganou?

Oração da Confiança ao Coração de Jesus pela intercessão de Santa Úrsula.

Ó Jesus, ao vosso Coração recomendamos este pedido (...). Olhai para ele.
Fazei o que o vosso Coração mandar. Permiti agir o vosso Coração.
O Jesus, conto convosco, confio em Vós e a Vós me entrego.
Ó Coração repleto de amor, toda a minha confiança ponho em Vós,
pois eu sozinho(a) sou capaz de todo mal, mas tudo espero de vossa bondade e amor.

Pelos merecimentos de nosso Senhor Jesus Cristo, aceitai, ó Deus
as orações levadas a Vós pela intercessão de Santa Úrsula,
a imitadora fiel das virtudes do Sagrado Coração de Vosso Filho,

e concedei-nos a graça que confiantes vos pedimos. Amém.

Sagrado Coração de Jesus, temos confiança em Vós.
Santa Úrsula, rogai por nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Celebração do Centenário da Congregação das Irmãs Ursulinas CJA

No dia 28 de julho de 2019, na capela da Casa-Mãe e o Santuário de Santa Úrsula Ledóchowska, em  Pniewy, realizou-se a cerimônia, que ...